Dicas de Organização nos Estudos para Concursos

organização para estudar para concurso

Olá concurseiro, se esse título te chamou a atenção é porque sabe que pode ou precisa melhorar seu sistema de organização nos estudos, então vamos tentar te ajudar nesse planejamento.

Mas de antemão já preciso te dizer que não existe fórmula mágica e nem receita pronta, afinal cada pessoa é única em suas particularidades e necessidades diárias de rotina e horários.

O objetivo das dicas é te ajudar a refletir em que pode ser mais assertivo no processo de organização diária.

 

estudar para concurso público

Primeiramente, como está seu local de estudos?

Entendemos que muitas vezes não é o ideal para nossa concentração, especialmente quando moramos com outras pessoas.

Mas habitue-se a estudar em um local bem iluminado, preferencialmente silencioso e que lhe permita uma boa concentração. Além disso, apesar de parecer tentador, não é aconselhável estudar no sofá ou na cama e sim acomodado em uma cadeira associada a uma mesa.

E isso se justifica tanto para não ter aquela vontade de se estirar um pouquinho, ou seja, ceder a preguiça, como para que sua coluna fique adequadamente posicionada e você não venha a sofrer com dores que podem ser evitadas.

Falando em se posicionar sentado, lembre-se de não ficar várias horas na mesma posição. O corpo precisa de movimento e, mesmo que por breves períodos, você deve fazer pausas curtas de cerca de cinco minutos. Pode até parecer pouco tempo, mas é suficiente para beber um pouco de água e se alongar um pouco.

 

aplicativo para concurso público

Sua organização precisa prever esses intervalos para que não se estendam além do necessário. Sugiro que caso não conheça, baixe um aplicativo do método Pomodoro, que te proporcionará pausas de cinco minutos e você pode programar o alarme para quantos pomodoros são necessários para cada tópico do seu estudo.

Falando em tópicos de estudo, você já elaborou um cronograma de estudos? Se não vamos te ajudar a fazer isso.
Primeiramente você precisa de uma meta palpável, e acredite, você não deve descrevê-la como simplesmente “ser aprovado”.

Uma meta precisa ser algo como: acertar 85% de todas as questões da banca “X” no concurso “Y” no ano “Z”. Mas qual a diferença disso? Esta última propõe algo quantificável, que poderá utilizar como parâmetro para quando for realizar simulados, por exemplo, delimitando melhor em quais aspectos precisa melhorar.

Essa meta parece assustadora, mas não é, pois, você irá dividi-la em pequenas metas menores que possam ser alcançadas em curto espaço de tempo: semestral, trimestral, mensal, semanal e diária.

 

pergunta dúvida

As primeiras coisas que precisa se perguntar são:

 

Quando será a prova do concurso? Se não sabe pode estimar uma data aproximada.

Quantas horas eu tenho disponibilidade de estudar por semana? Atenção, seja realista, lembre-se que você precisa dormir, se alimentar, tomar banho, realizar uma atividade física, cuidar das atividades domésticas e para muitos trabalhar. Se você trabalha, no dia de folga terá um pouco mais de tempo disponível. O ideal é que possa se dedicar ao menos duas horas diariamente à rotina de estudos.

Você também precisa considerar se as matérias que serão cobradas em seu concurso têm pesos diferentes na prova. Por exemplo, aquilo que pesa 20% da nota do seu edital deverá ocupar 20% do tempo que empregará para o estudo de todas e assim por diante.

Considere, ainda, quanto as disciplinas que cairão na sua prova que você poderá ter maior ou menor dificuldade em alguns pontos e isso vai diferenciar o tempo necessário para seu estudo. Agora que você já estimou o número de semanas que tem, o peso das matérias e sua dificuldade, bem como as horas semanais de que dispõe, você deverá distribuir os conteúdos que precisará estudar ao longo dos dias.

Cabe ressaltar que é mais proveitoso que estude de duas a três disciplinas diferentes no mesmo dia e que reserve algum tempo para revisar ao menos uma vez durante a semana, para que os conteúdos não sejam esquecidos. Lembre-se, também de fazer questões de todas as disciplinas.

Quando você estuda diferentes matérias no mesmo dia seu cérebro ativa diferentes mecanismos de memória, além de que ao realizar exercícios variados você também estará se preparando para o dia da prova.

Já te explico porque: no dia do concurso você faz as questões de português e na sequência já vem legislação, raciocínio lógico, informática. Por isso que a intercalação de disciplinas te deixa mais bem preparado para a prova e te traz agilidade.

Não existe um cronograma mágico que funcione para todas as pessoas, mas o que quero te dizer é que o planejamento nem sempre poderá ser cumprido à risca e que pode ser modificado e refeito ao longo do tempo. A função dele é antes de tudo você prever aquilo que precisa fazer ao invés de sentar-se e pensar: estou com vontade de estudar isso hoje e pronto!

 

Outros…

Teste de aptidão física em processos seletivos ⇗

Download de apostilas para concursos de MG ⇗

Apostila para estudo do certame de Santa Catarina ⇗